Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Como criar e gerenciar templates no Reev

A área de templates do Reev está diretamente ligada à área de fluxos de cadência, como você já deve ter percebido no nosso último post. E, se você ainda não leu, não deixe de ver o texto sobre fluxos de cadência aqui no blog.
Criar templates que realmente convertem é fundamental para uma estratégia de outbound marketing de sucesso, e o Reev permite uma análise detalhada visando a otimização dos seus templates. Inclusive, temos um texto muito legal sobre e-mails de prospecção no blog da Outbound Marketing.
Nesse post vou te explicar em mais detalhes como utilizar a área de templates do Reev, como criá-los e como gerenciá-los. Se você quer conhecer mais, não pare de ler!

SEU PRIMEIRO TEMPLATE

Se você é a primeira pessoa a usar o Reev na sua empresa, ele ainda não terá nenhum template salvo no sistema. Sendo assim, você precisará criar o primeiro, e é muito simples.
Tudo o que você tem que fazer é clicar em “Novo Template”, como na imagem abaixo, e seguir os passos que explico no item “criando um template do zero” desse texto.
Reev
Para que você possa criar e enviar fluxos de cadência é fundamental que você tenha templates salvos no Reev, então o aprendizado dessa etapa é fundamental para usar o software!

CRIANDO UM TEMPLATE

Se você já utilizou o Reev outras vezes, ao abrir a área de templates você verá uma tela parecida com a abaixo. Essa tela contém todos os templates já criados por você desde o primeiro dia em que usou o Reev.
img3
Para criar um novo template, basta clicar no local sinalizado pela seta vermelha na imagem acima. Ao clicar na seta, aparecerão as seguintes opções: Captura de Tela 2017-03-15 às 16.32.31

  • Em branco: ao clicar nessa opção, você criará um template do zero.
  • Biblioteca: ao clicar nessa opção, você pode selecionar um dos templates já criados por você ou por seus colegas, usando-o como modelo para o seu template.

CRIANDO UM TEMPLATE DO ZERO

Ao decidir criar um template do zero, ou seja, selecionar a opção “em branco”, uma página com o título “Novo Template” surgirá, com as seguintes opções a serem preenchidas:
Captura de tela 2017-01-16 às 16.20.48

  • Nome do template: nesse item você deve inserir um nome para identificar o template que criou. Para isso, basta clicar na caixa de texto e digitar o que deseja. O lead não tem acesso à essa informação, o nome do template só pode ser visualizado no Reev.
  • Categoria: as categorias servem para identificar e organizar templates que se assemelham em alguns aspectos (por exemplo, uma categoria chamada FOLLOW UPS incluirá todos os e-mails criados com a finalidade de realizar follow ups com os clientes). Nesse item você deve selecionar uma das categorias pré definidas, criadas na área de Configurações. Ao longo desse texto explicarei em mais detalhes como criar e gerenciar essas categorias, mas se você ainda não criou nenhuma, vá direto para a parte “Criação e gerenciamento de categorias”!
  • Assunto: nesse item você deve inserir o assunto do e-mail que será enviado aos leads. Para torná-lo mais personalizado e atrativo, sem precisar editar o assunto dos e-mails um a um, você pode utilizar as variáveis. Para isso, basta clicar na parte do texto onde deseja inseri-las, e então clicar na variável desejada no canto direito da caixa de texto:
    Reev

    • Nome completo: Essa variável insere o nome completo do lead onde você desejar.
    • Primeiro nome: Essa variável insere o primeiro nome do lead onde você desejar.
    • Nome da empresa: Essa variável insere o nome da empresa do lead onde você desejar.
    • Cargo: Essa variável insere o cargo do lead onde você desejar.
    • Telefone: Essa variável insere o telefone do lead onde você desejar.
    • Celular: Essa variável insere o celular do lead onde você desejar.
    • Endereço: Essa variável insere o endereço do lead onde você desejar.
  • Conteúdo do e-mail: nesse item você deve escrever todo o conteúdo do e-mail que deseja enviar aos leads. Assim como no assunto, também é possível utilizar as variáveis para personalizar o conteúdo do e-mail, tornando-o mais pessoal. Para utilizá-las, basta clicar na parte do texto onde deseja inseri-las, e então clicar na variável desejada no canto direito da caixa de texto.:
    Reev

Também é possível fazer alterações na fonte usada no e-mail e adicionar links e imagens:
Reev

  • Assinatura de e-mail: nesse item você pode personalizar a assinatura do seu e-mail como desejar. É possível personalizar a fonte, mudando tamanho e cor, e adicionar imagens e links, como no conteúdo do e-mail.

Após preencher todas as informações explicadas acima, basta clicar em “Criar Template” para concluir a criação do mesmo. Com isso, o novo template ficará localizado na área de templates apresentada anteriormente.

UTILIZANDO UM TEMPLATE JÁ EXISTENTE

Ao selecionar a opção Biblioteca, você pode utilizar templates já existentes no Reev como modelo. Ao clicar nessa opção, você verá uma tela parecida com essa:
Captura de tela 2017-01-16 às 15.53.03
Aqui você tem acesso a todos os templates já criados por você e por seus colegas de trabalho, além das estatísticas referentes a cada um deles e suas respectivas categorias. Isso permite que você utilize qualquer template de qualquer colega de trabalho, o que favorece a otimização dos seus e-mails de prospecção e a gestão do conhecimento.
Ao clicar em um dos templates da biblioteca, a tela de criação de templates é aberta, mas desta vez com as informações já preenchidas. Caso você deseje mandar exatamente o mesmo template, basta selecionar “Criar template”. Caso você deseje editar o template escolhido, basta modificar as variáveis conforme descrito no item “Criando um template do zero”.

EDITANDO UM TEMPLATE

Mesmo depois que o template já faz parte de um ou mais fluxos de cadência, é possível editá-lo. Basta você entrar na área de templates e, na seta do lado direito do template que deseja editar, selecionar a opção “Editar”.
Reev
Ao clicar nessa opção, abrirá uma tela similar à de criação do template, e tudo o que você tem que fazer é editar os pontos que deseja, conforme descrito no item “Criando um template do zero”.
Mas, ATENÇÃO: Ao editar um template, apenas o template dentro da Área de Templates será alterado. Ou seja, se você já usa esse template em algum fluxo de cadência, ele não será modificado dentro do fluxo. Para isso, você precisa fazer a alteração do template dentro do fluxo no qual ele está sendo utilizado, conforme descrito no texto sobre fluxos de cadência, em “Editando um fluxo”.
Por exemplo, imagine que você identificou a necessidade de alteração em um template usado em fluxo de cadência. Caso se trate de um erro no template, e você queira utilizá-lo futuramente, você precisará fazer a alteração do template na Área de Templates, e também a alteração do template dentro do fluxo no qual ele está sendo utilizado.
Caso se trate de um caso pontual, apenas para um fluxo específico, você deve modificar o template apenas dentro do fluxo no qual ele está inserido. Caso você queira que as mudanças no template não afetem os fluxos anteriores, basta modificar o template apenas na Área de Templates. Você pode ler um pouco mais sobre isso no texto sobre fluxos de cadência, em “Editando um fluxo”.
Após finalizar as edições no template, basta clicar em “Salvar”.
Já caso você deseje deletar um template, basta clicar na seta ao lado direito do template, conforme imagem anterior, e então selecionar a opção “excluir”.

GERENCIAMENTO DAS CATEGORIAS DOS TEMPLATES

Como é possível observar na imagem abaixo, ao lado do nome de cada template na Área de Templates está sua respectiva categoria.
Reev
 
Conforme explicado anteriormente neste texto, as categorias servem para identificar e organizar templates que se assemelham em alguns aspectos. Para gerenciá-las, adicionar novas e editar, siga os passos abaixo:

  1. No canto superior direito da tela, clique no seu perfil. Em seguida, clique em “Configurações”.Reev
  2. No canto esquerdo da tela, clique em “Templates”.
    Reev
  3. Para adicionar uma nova categoria, digite o nome da categoria e clique em “Adicionar Categoria”.
    Reev
  4. Para editar categorias já existentes, basta clicar na categoria, editá-la e, por fim, clicar em “salvar”.
    Reev
    Reev
  5. Para deletar categorias já existentes, clique no “x” no canto direito.

GERENCIAMENTO E ANÁLISE DOS TEMPLATES

Na área de templates é possível ter acesso a várias informações a respeito do desempenho de cada template.
Reev
Como você pode ver na imagem acima, ao lado do nome de cada template, é possível analisar:

    1. Abertura: taxa de abertura do template, ou seja, dentre todos os e-mails enviados usando esse template, qual a porcentagem desses e-mails que foram abertos. Esse dado está diretamente relacionado à eficácia do assunto do template, o qual impacta diretamente no interesse do lead em abrir o seu e-mail.
    2. Resposta: taxa de resposta do template, ou seja, dentre todos os e-mails enviados usando esse template, qual a porcentagem desses e-mails foram respondidos pelos leads, positiva ou negativamente.
    3. Conversão: taxa de conversão do template, ou seja, dentre todos os e-mails enviados usando esse template, qual a porcentagem desses e-mails que resultou na conversão de leads. A conversão de um lead significa que determinado contato, que antes estava ativo em um fluxo de cadência, foi marcado como “oportunidade”. Este dado demonstra a eficácia do template como um todo, não apenas do assunto, mas especialmente do conteúdo do mesmo.

CONCLUSÃO

Se você quer entender melhor como criar e gerenciar templates no Reev, ou ainda não usa o Reev e quer saber como suas funcionalidades podem te ajudar, entre em contato com a gente! 🙂